Porque SEO para Vendas? Como USAR o SEO para Aumentar as Vendas e as Conversões do seu Site, e-commerce ou Loja Virtual? Veja aqui como Turbinar as Vendas do seu E-commerce.

No mundo de hoje, embora as experiências digitais e as plataformas multicanais estejam em constante evolução, os clientes não estão em todos os lugares em em lugar nenhum. A maneira como seus clientes compram online está mudando a cada dia. Em uma era tão competitiva de comércio eletrônico, seu conteúdo deve ser único e atraente para estimular os usuários a comprar seus produtos em vários dispositivos. Para que seu conteúdo esteja prontamente disponível para os clientes, você precisará melhorar a visibilidade do seu site/e-commerce no Google.

SEO para Vendas – Site – Loja Virtual e e-Commerce

seo-para-vendas-site-loja-virtual-e-e-commerce

Estrutura do site

Embora seja um aspecto ao qual geralmente se dá pouca atenção, o web design pode afetar o posicionamento de uma página da web mais do que você pensa. Na verdade, uma mudança de design pode fazer com que uma página Ganhe ou Perca posições na página de resultados do Google e alguns erros de design da web podem causar problemas de SEO.

Há algum tempo, o Google leva em consideração os Core Web Vitals , uma série de indicadores que têm a ver com a Experiência do Usuário e a forma como ele navega pelas páginas da web. Ter uma pontuação ruim nesses indicadores pode levar à perda de posições nos resultados. Alguns erros de design podem afetar esses indicadores, como os observados abaixo:

Tempo de Carregamento

Um dos principais indicadores do Core Web Vitals é o tempo de carregamento. Uma página da web de carregamento lento terá uma classificação muito pior do que uma de carregamento rápido. O Google observa que nenhum usuário vai esperar mais de 2,5 segundos para a página carregar. O carregamento geralmente é um problema comum no WordPress, cujos modelos e plug-ins tendem a ter muito peso.

Mobile-Friendly

Desde 2016, o Google usa o Mobile First Index, ou seja, ele posiciona melhor o conteúdo no celular do que em desktops. Isso ocorre porque a maioria dos usuários acessa a Internet pelo telefone. Por esse mesmo motivo, os designs das páginas da web devem ser adaptados às telas dos celulares.

Imagens

Outro problema comum em web design é geralmente o tamanho das imagens e arquivos multimídia. As imagens devem atender a certos fatores de SEO, como não ter “peso excessivo” e ter os atributos Alt e a Descrição.

Pop-ups

Houve um tempo em que as páginas da web ficavam cheias de pop-ups, seja para acompanhar o criador nas redes, seja para se inscrever. Os pop-ups são considerados irritantes há algum tempo. A solução é criar pop-ups atraentes com o tempo, por exemplo, que fecham automaticamente após 30 segundos, ou que desaparecem quando você continua a rolar.

Scroll Infinito

Esta é uma técnica amplamente utilizada por muitos web designers e é muito boa. No entanto, o Google spiders não rola, portanto, se uma página da web mostrar apenas 10 artigos em sua página inicial sem rolar, apenas esses serão indexados e posicionados.

Mudanças no Google afetam o SEO para Vendas – Site – Loja Virtual e e-Commerce

No finalzinho do ano de 2020, o Google anunciou mudanças profundas que afetarão os sites que aparecem nos resultados de busca. Algumas mudanças impactam 10% das pesquisas, algumas impactam 7%. A mudança na forma como o BERT é usado impacta quase 100% das pesquisas, enquanto em 2019, todos updates do Bert impactaram apenas 10%.

Algumas das atualizações chegando até o final do ano de 2020. Outros já estão ativos nos resultados da pesquisa.

Muitas das melhorias de algoritmo anunciadas provavelmente criarão mais diversidade nos resultados da pesquisa, o que, em minha opinião, tornará as coisas ainda mais difíceis para o Profissional menos preparado.E não é apenas por achar não. Em uma palestra no PubCon, John Mueller John Mueller, analista sênior de tendências para webmasters do Google foi direto em sua previsão de que o SEO se tornará mais difícil em um futuro próximo.Continue lendo para entender.

Google Bert atinge quase 100% das buscas em Inglês no final de 2020

Uma das maiores revelações e 2020 é que o Google está empregando o BERT em praticamente todas as consultas de pesquisa.

BERT é uma técnica de pré-treinamento de processamento de linguagem natural que ajuda o Google a entender as palavras dentro do contexto das palavras ao redor. O Google disse que o BERT ajuda a Pesquisa do Google a entender melhor a intenção de uma consulta de pesquisa.

Quando o BERT foi anunciado, dizia-se que era usado em 10% das consultas de pesquisa, principalmente em tipos mais longos de consultas de pesquisa.

Novo Algoritmo de Ortografia

O Google também anunciou um algoritmo de grafia que ajuda o Google a entender melhor as palavras com erros ortográficos. O Google disse que é a maior melhoria na ortografia em cinco anos.

Passagens Indexadas

Esta é uma mudança importante que pode criar o impacto mais visível nas páginas de resultados de pesquisa do Google (SERPs). O Google agora está indexando passagens em uma página da web, não apenas a própria página da web.

Portanto, essencialmente, as passagens de uma página da web podem ser classificadas ao retornar uma consulta de pesquisa. O Google diz que isso afetará 7% das consultas de pesquisa.

O anúncio do Google disse que eles “ agora são capazes de não apenas indexar páginas da web, mas também trechos individuais das páginas. ”

Como as mudanças do Google afetam o SEO para Vendas?

Todas as alterações no Google tem consequências na indexação e Rankeamento dos sites. Assim, sites que não atenderem os requisitos Tecnológicos e Estruturais e as novas formas de apresentar o seu conteúdo e demonstrar sua relevância perante os consumidores, estão com os dias de Tráfego Orgânico contados.

Passos do SEO para Alavancar as Vendas em Sites – Loja Virtual e e-Commerce

Sem uma classificação saudável nos mecanismos de pesquisa, os clientes em potencial não conseguirão encontrar seus produtos online. Para ter sucesso neste setor cada vez mais competitivo, você precisa dos mais recentes truques e táticas de SEO para maximizar seu negócio. Abaixo, deixo um Caminho para o seu Sucesso no Google bastante organizado e fácil de entender e seguir.

SEO na Estrutura do seu Site, Loja Virtual ou e-Commerce

Requisitos da Estrutura do seu site para Rankear seu site de Vendas, Loja Virtual ou e-Commerce

  1. Use https

    Existem dois tipos de domínios, um com http e outro com https. Ter um certificado SSL torna seu site mais seguro. Além disso, o Google afirmou claramente que dará uma boa classificação ao site do domínio com HTTPS. É por isso que é necessário.

  2. Melhore a velocidade da página

    A velocidade da página afeta muito o SEO. Então, você deve reduzir o máximo que puder o tempo de carregamento. Para isso, é muito importante que você use um tema leve e faça otimizações na estrutura do seu site.

  3. Aumente a facilidade de uso para celular

    Ter a compatibilidade com dispositivos móveis é o mais importante para classificar seu blog. A razão para isso é que, nos tempos de hoje, a maioria das pessoas tem celular e a maioria das pesquisas são feitas de celular. Você pode recorrer ao Teste de compatibilidade com dispositivos móveis do Google Search Console para isso.

  4. Conquiste Backlinks para o seu site

    Se você tiver parceiros de negócios ou clientes que gostariam de criar um link para seu site, incentive-os a fazê-lo, pois esses links são altamente avaliados pelo Google e funcionam como uma espécie de confiança. Se o seu site estiver sendo vinculado, é uma indicação clara de que o seu conteúdo é considerado apropriado por outros usuários online e resultará em uma classificação mais elevada.

  5. Otimização da metatag de Descrição

    No resultado da pesquisa, a descrição exibida abaixo do título é chamada de meta-description. E, se essa metatag não for colocada em uma postagem, página ou página de produto, palavras  da postagem são mostradas em vez da metatag, o que pode reduzir seu CTR, e isso, obviamente,  tem um efeito muito negativo no tráfego. Em 150 a 155 palavras você deve escrever sobre seu produto ou serviço e os benefícios dele.
    Nos dias de hoje, apesar do Google mostrar sua Descrição apenas 35% das vezes em que seu resultado aparece nas buscas, e nas demais, preencher com informações da sua página que ele julga relevante, a maioria dos mecanismos de pesquisa dá importância à metatag, então as páginas da web devem usar uma metatag atraente para que os mecanismos de pesquisa e as pessoas gostem de suas páginas.
    Esse Artigo pode ajudar: CTR Marketing Digital – Como Aumentar a Taxa de Cliques

  6. Alt Tag, Title Tag e Description nas imagens

    Sempre que você escreve uma postagem no blog, também precisa usar imagens. Certifique-se de usar Alt tag, Title Tag e Description em todas as fotos usadas no seu site, pois informam ao mecanismo de pesquisa sobre a foto que você usa.

  7. Breadcrumbs

    Breadcrumbs permitem que um usuário rastreie o caminho de sua página inicial até a página que está visualizando. Eles podem ajudar o usuário a entender a estrutura do seu site e, em alguns casos, até mesmo as características do que eles devem esperar encontrar em uma página.
    Quando você usa breadcrumbs corretamente, eles podem tornar seu site mais fácil de usar. Um site fácil de usar pode ajudar a melhorar as métricas essenciais de usabilidade, como taxa de rejeição , tempo na página e muito mais. Esses fatores também podem impactar seus esforços de SEO.

  8. USE URLS CURTOS E DESCRITIVOS

    O endereço da sua página na web (URL) envia um sinal ao mecanismo de pesquisa sobre o assunto. A estrutura de URL do site deve ser simples. Considere organizar seu conteúdo de forma que a URL seja construída de forma lógica. Por exemplo:
    meusite.com.br
    meusite.com.br/categoria
    meusite.com.br/categoria/nome-do-produto

  9. Tenha Navegação por Categoria

    Ter os produtos que você comercializa no seu site bem organizados, facilita a navegação do seu cliente e facilita e até melhora a experiência de compra do internauta. Além disso, a estruturação por categoria ajuda o Google a entender seu site e seus produtos, resultando em probabilidades maiores de um bom Rankeamento.

  10. Otimize as Imagens

    Geralmente, observa-se que o tamanho das imagens se torna extremamente grande, o que pode definitivamente ter um efeito negativo na velocidade do site. Compactar imagens é melhor para que, mesmo que os usuários acessem seu site por uma conexão lenta, eles consigam visualizar o conteúdo.

  11. Título Otimizado

    O Google ainda mostra tags de título de até 600 pixels, ou seja, 50-60 caracteres em bons resultados de pesquisa. Eu, particularmente, recomendo de 50 a 55 caracteres.
    Seria uma boa ideia manter a tag de título de cada página exclusiva e isso também pode reduzir a canibalização de palavras-chave. A tag meta título deve ser mantida relevante para o tópico de sua página. É benéfico para o SEO colocar a palavra-chave primária no início do título.

Experiência Avançada do Cliente

Os clientes desejam ver o que buscaram na pesquisa, nos primeiros instantes no seu site, assim, a experiência com o site certamente será positiva. Conteúdo irrelevante, como anúncios, banners e links para produtos que não estão relacionados à pesquisa inicial, frustram o cliente e o levam a deixar seu site e procurar o produto em outro lugar.

Experiência do usuário no SEO do site de Vendas

  1. Atendimento online

    O atendimento ao cliente é o novo marketing de muitas marcas de sucesso. Muitos compradores se sentem mais satisfeitos quando podem conversar com um membro da equipe e são mais propensos a converter.
    A automação do engajamento na forma de chat pode ajudar a marca a divulgar conteúdo promocional ou convidar os clientes a fazerem perguntas.

  2. Links Internos

    • Best seller
      Os produtos mais vendidos são os de maior demanda porque muitos outros os favorecem. Os clientes confiam na recomendação de outras pessoas como a única verificação que têm durante a compra online. Portanto, exibir os produtos mais vendidos junto com os itens pesquisados ​​faz maravilhas para melhorar a experiência do cliente . Isso funciona melhor se você não souber muito sobre o usuário e não puder fornecer recomendações melhores.
    • Itens ‘Você também pode gostar’
      Você pode exibir essas recomendações quando tem pouco conhecimento da jornada do comprador e do envolvimento anterior com o site. Você pode decidir se deseja mostrar itens semelhantes com base nas compras anteriores deste ou de outros clientes, ou com base nas pesquisas dentro do seu site, e outros comportamentos do site que são mostra as tendências REAIS do seu público.
    • Produtos complementares
      Nesta seção, você pode fazer vendas cruzadas e mostrar produtos que seus outros clientes também escolheram. Essas sugestões tornam a tarefa mais fácil para o cliente, pois ele não precisa navegar o site inteiro para encontrar o produto. Isso torna seu trabalho mais confortável, pois você vende facilmente outros itens, fazendo uma pequena mudança na opinião do cliente…

  3. Use Textos âncoras nos links Internos

    • Texto âncora de correspondência exata
      Um texto âncora de correspondência exata é um texto âncora que contém uma palavra-chave que reflete o tema central da página. Às vezes, as pessoas também definem um texto âncora de correspondência exata como um texto âncora que contém uma palavra-chave para a qual o proprietário do site deseja classificar a página.
    • Texto âncora de correspondência parcial
      O próximo tipo de texto âncora é chamado de “Correspondência parcial”, que contém uma frase ou palavras parciais no conteúdo do hiperlink.
  4. Use Textos âncoras Genéricos nos links externos

    • Textos âncora com marca
      Os textos âncoras de marca contêm o nome da marca (nome do site) como o conteúdo do hiperlink.
      Quando um site se torna realmente popular e famoso, a maioria de seu público se lembra do nome do site ou blog e quando nós queremos citar o conteúdo desse site, criamos um link para o site usando o nome dele.
    • Texto âncora nu (texto âncora URL)
      Um texto âncora nu é um link criado quando você simplesmente cola o URL de uma página da web em seu site e desse texto do URL você cria o link.
  5. Texto da sua Página

    Tenha uma ótima descrição do Produto ou Serviço, incluindo Conteúdo Útil ao usuário, como exemplo do uso ou casos reais de sucesso com o uso do produto. Isso pode parecer óbvio, mas o SEO é rei no mundo do conteúdo, então você precisa se certificar de que seu conteúdo seja original, atualizado regularmente e bem escrito.

  6. Utilize Palavras Chaves Relacionadas e Sinônimos

    Utilize a Ferramenta de Palavras Chave do Google Ads para encontrar as palavras relacionadas

  7. Avaliações dos Clientes

    As pessoas gostam de ler comentários sobre os produtos que desejam comprar. Isso dá para elas uma imagem melhor do que o produto é, e também fornece uma “validação” na sua escolha. Mostrar a quantidade de pessoas que gostaram daquele produto ou que compraram no passado também é excelente passo para engajar o cliente.

  8. Valor do Produto

    Quando um usuário estiver navegando em uma categoria, mostre a ele Benefícios Exclusivos dos seus Produtos, ou, se sua briga é por preço, mostre descontos relevantes para esses produtos. Isso dá aos clientes um motivo para comprar com você.

  9. Seja Honesto na sua Copy

    Isso pode parecer dolorosamente óbvio, mas é incrível para mim quantos sites “passam cheques que seus produtos não conseguem descontar”. A honestidade em sua cópia não é apenas crucial para a reputação de sua empresa, mas também promove e incentiva a confiança em sua marca. Não faça afirmações que você não pode comprovar e não use hipérboles levianamente.

  10. Crie um senso de urgência

    É importante ser honesto e transparente sobre quem você é e o que faz, mas não há regra contra a criação de um produto ou serviço com senso de urgência, para incentivar e até persuadir saudavelmente os clientes em potencial a comprar de você AGORA. Muitos consumidores respondem positivamente aos incentivos que criam um senso de urgência, desde ofertas especiais urgentes a produtos de edição limitada.

  11. Garantia

    Ofereça uma garantia de devolução do dinheiro à prova de balas. Muitas vezes, um dos fatores mais poderosos na decisão de um consumidor de não comprar algo é o risco envolvido. O desejo de evitar uma perda potencial e sentir-se um tolo. Além do sentimento ruim, há perdas financeiras envolvidas, que pode ser um fator determinante para uma “não venda”.
    Por que alguém deveria comprar seus produtos? E se eles não funcionarem ou o cliente não gostar deles? Mesmo pequenas compras podem acarretar o risco de “remorso do comprador”, portanto, supere essa objeção desde o início oferecendo uma garantia de devolução do dinheiro à prova de balas.

Dica Extra

Reduza o atrito no processo de checkout

De acordo com o Business Insider, aproximadamente US $ 4 TRILHÕES em mercadorias online foram abandonados em carrinhos de compras incompletos somente no ano passado , dos quais 63% eram potencialmente recuperáveis. Esta é uma estatística de cair o queixo, e que revela como é crucial acertar seu processo de checkout.
Elimine quaisquer etapas desnecessárias em seu processo de checkout que poderiam dissuadir um cliente potencial de converter. Ignore os campos desnecessários nos formulários.

Sempre que possível, faça que os benefícios dos produtos ou serviços que estão sendo adquiridos e/ou a Garantia à prova de balas, apareçam na tela de checkout